Fortaleza mais uma vez bate recorde de homicídios. A carnificina corre solta com o sangue da nossa juventude. A marcha fúnebre prossegue na cidade que mata mais jovens do país.

Os banqueiros e empresários, com seus lacaios Dilma, Eduardo Cunha e Aécio Neves Preparam o chicote contra nossas costas com a terceirização, o ajuste fiscal, retirada de direitos trabalhistas, legalizando o encarceramento e extermínio do povo negro através da redução da maioridade penal.

Os que fabricam o crime são os mesmos que fabricam a miséria! Os que negam saúde, educação e moradia, são os mesmos que entopem nossas comunidades de polícia, justificando a criminalização da pobreza pela mentira do combate ás drogas. (Os verdadeiros traficantes usam terno e gravata). Eles dizem se preocupar com o problema da violência, mais cortam cada vez mais, o orçamento para a educação, empurrando a juventude para o crime. Só nos últimos três anos 2.600 professores a menos no estado do Ceará.

As mulheres negras são as mais atingidas, elas são as que mais sentem o aumento do preço dos alimentos, e da conta de energia. segundo dados do IBGE de 2011, 60% dessas mulheres são chefas de familia, a maioria em trabalhos informais ganhando apenas um salário mínimo.

As manifestações culturais de matrizes africanas continuam sendo perseguidas na medida que que aumenta a intolerância religiosa. É neste contesto que se aproxima o 20 de novembro. É hora de honrarmos a memória de Zumbi e Dandara! Palmares vive em cada um de nós, que luta contra o Racismo! A periferia esta por sua propría conta e não faltam motivos para lutar! Assim, o comitê pela construção da terceira marcha da periferia em fortaleza, chama os diversos movimentos sociais e culturais as organizações políticas e religiosas para, no mes da consiencia negra, travar uma luta unificada que leve para as ruas as nossas bandeiras.

Venha construir a III Marcha da periferia em Fortaleza!

A proxíma reunião será no dia 29/10, Quinta Feira no cuca Jangurussu, ás 17:30h