Valor da cesta básica aumenta em todas as capitais do país

0
413

Em 18 capitais houve aumento no valor da cesta básica, de acordo com pesquisa realizada pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), em 2015.   Fora analisadas as cidades de Salvador, Curitiba, Campo Grande, Aracaju, Porto Alegre, Fortaleza, Belo Horizonte, Brasília, Florianópolis, Rio de Janeiro, João Pessoa, São Paulo, Vitória, Natal, Recife, Belém, Goiânia, Manaus.   Em Salvador, o valor subiu 23,67% e registrou a maior alta. Logo em seguida acompanham a alta os estados Curitiba e Campo Grande que tiverem o mesmo percentual (22,78%), Aracaju (20,81%) e Porto Alegre (20,16%).

O maior custo do conjunto de bens alimentícios básicos foi registrado em Porto Alegre R$ 418,82, seguido de Florianópolis R$ 414,12 e São Paulo R$ 412,12, de acordo com o levantamento.   Alimentos como a carne bovina, tomate pão francês, café em pó, açúcar, óleo de soja e batata subiram em sete capitais.  Já o valor do arroz, leite e manteiga subiu em 17 localidades.   O valor da carne bovina variou entre 8,48% em João Pessoa e 23,57% em Aracaju.   Já o salário mínimo aumentou apenas 11,6% e foi para R$ 880 (veja aqui) no começo desse ano. De acordo com a pesquisa, o salário mínimo está longe de suprir a necessidade do trabalhador. O valor do salário mínimo para a manutenção de uma família de quatro pessoas deveria equivaler a R$ 3.518,51, para suprir suas necessidades com saúde, transporte, moradia e alimentação.   Confira aqui a íntegra da pesquisa.